Partilhando leituras

Livros sobre Caldas da Rainha, Rainha D. Leonor, Bordalo Pinheiro, caricaturas,

cerâmicas, gatos e algo mais...

quarta-feira, 25 de abril de 2007

17.ª Página Caldense




Caldas da Rainha

(Distribuição gratuita)

J. A. Ferreira Madail

Typ. da Empresa da História de Portugal

1909






"A Vila"

"Origem - Os grandes privilégios concedidos aos colonos deram os naturais resultados, e a par do hospital, fundou-se a vila.

Foi pois o Hospital Real no núcleo fundamental da povoação; à sombra d'ele vieram as primeiras trinta famílias que no local se fixaram durante a construção do edifício, à sombra dele medrou e cresceu a vila, e vive ainda hoje uma grande parte dos seus habitantes.

Em volta do hospital evolveram-se os primeiros lineamentos da povoação: d'ali irradiou e alastrou depois; lentamente, passo a passo, ao princípio e até à construção da linha férrea do Oeste, que a serve, e muito mais rapidamente, depois.

Hoje conta 4.639 habitantes.

A primeira rua foi denominada a Rua Nova e tinha começo junto ao hospital, no largo da Copa, hoje Largo Rainha D. Leonor.

As primeiras casas foram edificadas em terrenos pertencentes ao hospital e dados de aforamento aos colonos.

Esta rua já hoje não tem, infelizmente, a mesma denominação.

E digo infelizmente porque nunca as vantagens da mudança d´estas nomenclaturas compensam os grandes inconvenientes a que muitas vezes dão lugar.

Por isso entendo que não devem ser alteradas, a menos que para tal militem ponderosas razões, e nunca quando sejam elementos curiosos para a história das povoações.

Estão neste caso as primeiras ruas que se traçaram e onde viveram os primitivos habitantes.

A povoação assim criada, recebeu o título simplesmente de Vila."


[Pequeno livro com as dimensões de 11,50 x 18 cms, 72 páginas numeradas, incluindo 21 imagens. O tema é tratado em 3 capítulos: Hospital Real / A Vila / Arredores. Mapa incluído no final do texto.]

Sem comentários: