Partilhando leituras

Livros sobre Caldas da Rainha, Rainha D. Leonor, Bordalo Pinheiro, caricaturas,

cerâmicas, gatos e algo mais...

domingo, 23 de setembro de 2007

Os Gatos de Eliot

O LIVRO DOS GATOS
T. S. ELIOT


"FORTUNATO
O velho Fortunato vive há muito tempo
Gato vai vivendo vidas sucessivas
Seu nome era famoso em anexins e versos
Antes mesmo do tempo da Rainha Vitória.
O velho Fortunato viúvo vezes nove
(Quem bem contar, noventa há-de encontar)
Com prole numerosa, rica, florescente,
Na aldeia é venerado apesar de decadente.
Ao vê-lo, fisionomia tão pacata e pachorrenta,
No muro da capela deitado apanhando sol
Logo diz com voz roufenha o mais idoso aldeão:
«Coisa estranha... Não é nada. É sim senhor!
Oh! Ah!
Caramba!
Se calhar tenho visões mas sou capaz de jurar
Que este gato é o velho Fortunato!»"

[T. S. Eliot. O Livro dos Gatos. Tradução de João Almeida Flor. Ilustrações de Nicolas Bentley. Editora Caravela Lda. ISBN 972-639-021-4. Título original: Old Possum´s Book of Practical Cats. Data de Edição: 1992 (?)]

Sem comentários: