CAVACOS DAS CALDAS II

DICIONÁRIO GRÁFICO BORDALIANO

alguns livros, cerâmicas, belos gatos e algo mais...



sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

As Árvores da minha Rua


Árvore Rumorosa

Árvore rumorosa pedestal da sombra
sinal de intimidade decrescente
que a primavera veste pontualmente
e os olhos do poeta de repente deslumbra

Receptáculo anónimo do espanto
capaz de encher aquele que direito à morte passa
e no ar da manhã inconsequentemente traça
o rasto desprendido do seu canto

Não há inverno rigoroso que te impeça
de rematar esse trabalho que começa
na primeira folha que nos braços te desponta

Explodiste de vida e és serenidade
e imprimes no coração mais fundo da cidade
a marca do princípio a que tudo remonta

Ruy Belo


[Todos os Poemas I. Ruy Belo. Assírio & Alvim. 2.ª Edição. Outubro de 2004. ISBN 972-37-0892-2]

4 comentários:

Maria disse...

Árvore rumorosa... tu, Isabel, que vais tentando cobrir essa cidade de cultura através dos livros e tens mesmo a árvore de natal com livros pendurados.
Sei que há outras por aí, cujos "presentes" têm a ver com o ramo de negócio de quem as ornamenta. Só tenho que te felicitar pela tua iniciativa....

Abraço caldense

Luis Eme disse...

Parabéns à "mãe" da iniciativa...

e boas vendas de Natal...

M.M. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
M.M. disse...

Parabéns, Isabel.